evden eve nakliyat - evden eve
Mec
 
 
 
Quinta, 24 Jul 2014
 
 

Conheça Cubatão

PDF Imprimir E-mail

Fotos: Pamela (Aluna do curso técnico de Informatica) e outras retiradas da internet.

Cubatão é um município do estado de São Paulo, na Região Metropolitana da Baixada Santista, microrregião de Santos. A população aferida na contagem de 2008 foi de 127.702 habitantes. A cidade ocupa 142,3 km² de área, o que resulta numa densidade demográfica de 845,3 hab/km².

Faz divisa com os municípios de Santo André, ao norte, Santos, ao leste, a Baía de Santos, ao sul, São Vicente, a sudoeste e São Bernardo do Campo, a noroeste.Com um grande parque industrial, Cubatão enfrentou no passado a ameaça constante da poluição.

Na década de 80, foi considerada pela ONU como a cidade mais poluída do mundo. Contudo, com a união de indústrias, comunidade e governo, a cidade conseguiu controlar 98% do nível de poluentes no ar .

Por isso, em 1992 recebeu da ONU o título de Cidade-símbolo da Recuperação Ambiental.

 

Cubatão de portas abertas para o turismo

Imagine uma cidade abraçada por um cinturão verde que se espalha por escarpas de 700 metros de altitude, abrigo de milhares de espécies de árvores e animais em risco de extinção, como a jaguatirica e a ave guará-vermelho. Um lugar tranqüilo, onde a história ficou gravada em caminhos de pedra e monumentos imponentes. Uma terra pontilhada de parques ecológicos e manguezais preservados, cortados por rios piscosos com praias em suas margens.

Muita gente pode até não acreditar, mas esse lugar é Cubatão. O turismo educacional e o ecoturismo estão despontando na Cidade e apresentam grande potencial de crescimento. Escolas e universidades - até de outros estados - estão sendo atraídas pelo contraste provocado por uma cidade que reverteu espetacularmente um quadro desfavorável de poluição e aprendeu a conciliar seu perfil industrial com o turismo. A principal atração de Cubatão está justamente em seus rios, hoje recuperados.

Passeios de barco levam os turistas a manguezais onde é possível avistar a única população de guarás-vermelhos fora das regiões Norte e Nordeste. Os peixes também voltaram aos rios, tantos que Cubatão é um dos destinos preferidos pelos amantes da pesca esportiva. O Largo do Canéu e os rios Casqueiro e Cubatão são hoje citados até em publicações internacionais de pesca.

 

Cotia-Pará: centro de lazer ecológico a 60 km da Capital

ARVORISMO, EDUCAÇÃO AMBIENTAL E TRILHAS QUE LEVAM A SAMBAQUIS

Cubatão tem um local privilegiado para quem deseja acompanhar o desenvolvimento de espécimes da fauna e da flora da Mata Atlântica, caminhar por trilhas até sambaquis, reunir amigos para uma partida de futebol e participar de atividades voltadas ao desenvolvimento sustentável.

É o Parque Ecológico Cotia-Pará, localizado nas margens da Rodovia Anchieta, a cerca de 60 quilômetros da Capital. Sede do Núcleo de Educação Ambiental, que recebe por ano mais de 6 mil crianças de
escolas públicas e privadas, o parque também contará, em breve, com um espaço de múltiplo
uso, com auditório, salão para exposições e salas de projeção.

Vale frisar que todas as instalações serão adaptadas a portadores de necessidades especiais. O novo governo municipal está dotando o Cotia-Pará com um orquidário e um núcleo de equoterapia, além de circuito de 400 metros para arvorismo.

Cubatão firmou parceria com o Programa de Jovens, da Unesco, que oferece
treinamento ecoprofissional. Por dois anos, adolescentes participam de atividades visando à formação de monitor ambiental. A intenção é garantir a geração de renda a partir da convivência sustentável com o meio e conservar e recuperar a Reserva da Biosfera do Cinturão Verde de São Paulo.

 

Ecologia e história no mesmo destino

Esqueça aquela idéia de que Cubatão seja sinônimo de poluição. Isso é passado distante. É principalmente na recuperação da qualidade do nosso ar, na volta dos peixes aos rios e na completa recuperação da Mata Atlântica que está o nosso maior produto turístico. Os investimentos de milhões de dólares no controle das fontes poluidoras no Parque Industrial provaram ao mundo que, com responsabilidade e união de esforços, progresso e natureza podem caminhar juntos. Nossa cidade possui atrativos históricos, artísticos, religiosos, de recursos naturais e paisagísticos.

Somos, portanto, um município com grande potencial turístico, dada a diversidade de opções de lazer oferecidas. Quanto à natureza histórica, que também agrega belezas naturais e paisagísticas, destacamos o Caminho do Mar, com seus monumentos, e o Largo do Sapo, que historicamente abrigou o primeiro processo alfandegário do país, no século XVII, representado pelo pedágio que os jesuítas implantaram às margens do Rio Cubatão para os tropeiros que subiriam as encostas da Serra do Mar com suas cargas para São Paulo de Piratininga.

Os recursos naturais e paisagísticos estão perfeitamente protegidos no Parque do Rio Perequê e no Parque Estadual Itutinga-Pilões, com cachoeiras, rios de águas cristalinas e trilhas demarcadas, catalogadas pelo Sebrae. A cidade é rica em tradições religiosas, comdestaque para a Festa de São Lázaro e da padroeira Nossa Senhora da Lapa.Outro atrativo é o potencial artístico dos seus moradores, em especial no campo musical.

O município realiza eventos dentro de um calendário oficial que traz para a cidade considerável público de outras regiões. Cubatão oferece ainda importantes áreas de lazer e recreação como o Parque Municipal Anilinas (área verde de 50 mil metros quadrados, no centro urbano) e o Parque Cotia-Pará, com um importante trabalho educativo-ambiental. As marinas proporcionam pesca esportiva e roteiros náuticos para visitação aos manguezais e a prática do bird watching, atrativo excepcional dada a diversidade e beleza dos pássaros que habitam esses berços naturais que são os manguezais.

A rede hoteleira, de apenas 360 leitos e em fase de ampliação, é complementada pela facilidade que os turistas encontram para se instalarem nos municípios próximos, dada a
facilidade de locomoção entre as cidades da região Metropolitana da Baixada Santista, existindo já
diversos roteiros alternativos intermunicipais. Cubatão possui excelente abastecimento de água potável, sendo inclusive o berço dos recursos hídricos da região. Queremos convidá-lo a visitar nossa cidade, e comprovar diretamente como Cubatão é uma cidade privilegiada, que atende a todos os requisitos para se tornar uma Estância Turística.

 

Guará-vermelho encanta os turistas

UMA DAS AVES MAIS EXÓTICAS DA FAUNA BRASILEIRA

O guará-vermelho, que surpreende os visitantes desde a época do descobrimento do Brasil, é uma das aves mais exóticas da fauna brasileira. A espécie retornou ao manguezal de Cubatão em 1984. Na época, contava com apenas 86 indivíduos. Hoje, estima-se que o bando tenha mais de 550 aves, das quais 100 estão anilhadas (com identificação feita por um anel na perna). Por essa razão, a espécie foi escolhida como símbolo da recuperação ambiental do Município.

De acordo com pesquisadores, o guará é uma das 195 espécies de aves encontradas em Cubatão, sendo esta a única população de guarás fora das regiões do Maranhão, Pará e Amapá. Atingindo 60 centímetros de altura, esta é uma ave também carnívora, comendo caramujos, insetos e caranguejos. Anda vagarosamente sobre terreno alagadiço, com a ponta do bico submersa, abrindo e fechando a mandíbula rapidamente ao encontrar alimento. O preferido é o caranguejo, e nos bancos de lodo de Cubatão o gênero mais comum é do tipo Uca, que tem cinco espécies. Antes de devorar o caranguejo, o guará extirpa a garra maior.

 

Turismo industrial

UM PASSEIO PELO MAIOR POLO INDUSTRIAL DO PAÍS

A consciência ambiental é uma das marcas de Cubatão. Abrigando indústrias de alta tecnologia, que se renovam a cada instante acompanhando o progresso da técnica internacional, o município dá o exemplo de recuperação e investimento na natureza. A fauna e a beleza do verde da Serra do Mar mostram que uma saudável convivência entre indústria e meio-ambiente é possível.

Com uma gama de mais de 30 indústrias de grande porte, que produzem de gasolina de aviação a fertilizantes, passando pelo fabrico de cimento, Cubatão tem como atrativo incomum a possibilidade de se fazer um novo tipo de roteiro: o turismo industrial.

Pequenos grupos (escolares, civis, pequenas empresas) podem acompanhar de perto o processamento dos materiais dentro das fábricas. Com prévio agendamento, é possível conhecer empresas como a refinaria de petróleo da Petrobrás, a usina siderúrgica de Cubatão (Cosipa), a Ultrafértil, a Copebrás, entre outras, que formam verdadeiras cidades industriais.

O programa Fábrica Aberta é uma iniciativa da empresa Carbocloro. Instalada em Cubatão desde 1984, é a maior fornecedora de cloro para o tratamento de água no Brasil. O visitante pode conhecer as dependências fabrís, ver como é usada a água no processo industrial e conferir que o produto volta completamente restaurado para a natureza. O passeio permite, ainda, a observação de várias espécies de fauna e flora da Mata Atlântica, que estão sob responsabilidade da empresa.

 

Infra-estrutura

Cubatão oferece hotéis de pequeno e médio porte situados na região central da cidade, garantindo ao visitante total mobilidade tanto para o centro comercial, Parque Industrial quanto para os roteiros turísticos. A rede hoteleira está localizada próxima a toda infra-estrutura necessária para bem atender ao turista, com a proximidade a hospitais, restaurantes, casas noturnas, pontos de táxi, transporte coletivo e as estradas que dão acesso à capital e outras cidades da Baixada Santista.

 

Roteiro Histórico

CAMINHO QUE ENCANTOU O PRÍNCIPE DA NOSSA INDEPENDÊNCIA

A cidade que abriga o maior pólo industrial da América Latina já era importante referência no Brasil-Colônia, pela ligação que estabelecia entre o planalto e o litoral. Um passeio inesquecível é o do Caminho do Mar, por onde tropeiros encurtavam as distâncias e famosos viajantes exaltavam as belezas desse percurso pelo coração da Serra do Mar. Hoje estão ali monumentos construídos em 1922, pelo então presidente Washington Luiz, para comemorar o centenário da Independência. Uma visão panorâmica da Mata Atlântica e do Litoral é um dos espetáculos do percurso.

•CAMINHO DO MAR

Calçado com macadame em 1913, pavimentado em concreto em 1925, foi por muito tempo o principal caminho entre São Paulo e o litoral.

•CALÇADA DO LORENA

Primeira estrada pavimentada do Brasil e a mais importante na época por mudar a rotina dos tropeiros, viajantes e comerciantes, agilizando os negócios. Passou a ter movimento para que os visitantes pudessem apreciar a bela paisagem.

•CRUZEIRO QUINHENTISTA

Homenagem à chegada dos portugueses ao litoral, no entroncamento das primeiras ligações entre o planalto e o litoral. Formado por um corpo central e uma cruz, tem azulejos pintados à mão com figuras dos desbravadores.

•RANCHO DA MAIORIDADE

Conhecido como ponto de descanso e reabastecimento durante a longa viagem entre o planalto e o litoral. Seu nome é alusivo à Estrada da Maioridade, construída em 1841 e 1846.

•BELVEDERE CIRCULAR

A construção em alvenaria de pedras e tijolos do Belvedere era outro encantador ponto de parada e mirante da paisagem no trajeto da Serra do Mar.

•POUSO DE PARANAPIACABA

Erguido em alvenaria de pedra, elementos de granito lavrado, tijolos, circundado por varandas. Era ponto de parada para os carros durante a viagem.

 

Fonte: Departamento de Comunicação Social da Prefeitura de Cubatão.
Clique aqui para obter o arquivo em formato PDF (2MB).